16 de set de 2009

Semifusa

Te odeio e te amo.
Porque tenho águas nos olhos
E uma saudade da vida
Como se tudo coubesse em um acorde maior da tua voz
E quando ele soa fica tudo suspenso
Em um único fôlego
Em um único tom
Em um único beijo
E milhões de desejos

Nenhum comentário:

Postar um comentário